Peça teatral sobre doação de medula óssea encanta público de Campina Grande do Sul
03/06/2019 Social

O grupo de teatro Processo Multiartes visitou Campina Grande do Sul e trouxe a peça “Procura-se Um Estrela” ao Teatro Municipal José Carlos Zanlorenzi. As apresentações ocorreram dias 30 e 31 de maio, com três sessões com grande presença do público campinense. O evento foi gratuito e contou com apoio da Prefeitura Municipal de Campina Grande do Sul.

 

O espetáculo teve como tema central o transplante de medula óssea e foi contada com um texto atencioso e carismático, conquistando o público presente que contou com alunos dos colégios estaduais Campos Sales, Pref. João Maria de Barros, Bandeirantes, Terra Boa, do grupo da melhor idade de Campina Grande do Sul e público em geral.

 

Na peça, uma dupla de palhaços desajeitados que costuma visitar pacientes em tratamento de leucemia resolve ir para a praça em busca de novos doadores de medula óssea. E para convencer uma moça emburrada a se cadastrar como doadora, a dupla não mede esforços: com muito bom-humor e poesia, através da música ao vivo, do teatro de bonecos, da linguagem do clown os artistas dividem com o público histórias verídicas de pacientes que estão à espera de um transplante. E como forma de espalhar essa mensagem de saúde e cidadania, os palhaços espalham, pela praça e pelo mundo, garrafinhas com essas histórias dentro, como se as lançassem mar afora.

 

O Processo Multiartes ressalta: “O transplante de medula óssea é a única saída para milhares de pacientes que esperam por um doador compatível. A dificuldade de se encontrar um doador compatível é uma em cem mil pessoas. A melhor forma de aumentar as chances de se encontrar um doador compatível é aumentarmos o número de pessoas cadastrada na Rede Mundial de Doadores - o REDOME.”

 

Para se cadastrar como doador de medula óssea, os interessados devem ter entre 18 e 55 anos e ir ao Hemepar Curitiba, na Travessa Joao Prosdócimo, 145, Alto da Rua Xv – Curitiba, contato: 3281-4042/3281-4000.